Lutas Sociais / Lutas pela terra no campo

As Lutas Camponesas

Por: Lázaro Ferreira Rodrigues - militante do PCdoB no Pará.

O nosso programa socialista, propõe para o país, um novo ciclo desenvolvimentista e civilizacional. E o caminho para tal conquista, passa pela implementação de um Novo Projeto Nacional de Desenvolvimento (NPND). Entre as medidas componentes deste Novo Projeto Nacional de Desenvolvimento, seguramente, estão entre elas, o conjunto das seis reformas etruturais e a Reforma Agrária é uma delas. Em nosso programa, o rumo é o Socialismo, e o caminho para o  Socialismo é o  Novo Projeto Nacional de Desenvolvimento.  Concebemos assim, portanto, o  NPND como fator de transição ao Socialismo a partir da análise dialética do curso real da luta de classes no Brasil.

Sobrea a Reforma Agrária, leia a proposta contida em nosso programa Socialista clicando no botão vermelho e leia: no Título, O desafio da contemporaneidade, a letra ( d ) desse título. e leia no título, Reformas para o avanço do NPND, a letra ( e ) desse título

BETO GUEDES - "Sal Da Terra"

Reformas Estruturais por um Novo Projeto Nacional de Desenvolvimento

Comunicação insurgente, Web Guerrilha informativa contra os impérios midiáticos.

Belém - Pará -Amazônia - Brasil

Pela Reforma Agrária anti-latifundiária.

Sobre a Reforma Agrária

As lutas camponesas pela Reforma Agrária, contribuiram para a conquista de governos de perfil popular na era Lula/Dilma. Agora, trata-se de aprofundar e avançar nas mudanças estruturais que o Brasil necessita, e uma das reformas seguramente é a realização da Reforma Agrária antilatifundiária.

Nesses quase 50 anos de fundação, a CONTAG sempre pautou o debate sobre a questão fundiária. Aliás, a própria construção da entidade se confunde com a história da reforma agrária no Brasil. Ainda que de forma pouco explícita, os trabalhadores e trabalhadoras rurais, nas décadas de 60 e 70 do século passado, já apontavam a necessidade de conjugar a reforma agrária com o acesso à educação, previdência, saúde e moradia, como um caminho viável para mudar o perfil agrário brasileiro.

João Pedro Stédile MST

O texto é parte do artigo publicado no Site da CONTAG Clic no botão vermelho e leia o artigo completo

Pte. da Contag -  ALBERTO ERCÍLIO BROCH